• Guilhoché…

    ...sinto-me como um ornato composto de traços ondeados que se cruzam e entrelaçam com simetria; tentando me redescobrir e me reinventar sem perder a essência. Com essa probidade, quero, aqui, manter em mim esse vento de espírito jovem, essa curiosidade infantil em relação ás coisas, essa espécie de encantamento em relação ao ser humano. Quero crer que somos muito maiores e mais interessantes que as barreiras que o mundo impõe e que os limites que a vida oferece. Acredito na transformação dos sentimentos e no melhor de cada um. Quero que minha inspiração esteja sempre afiada; colocando em harmonia instinto, alma, criatividade, percepção e uma dose de crítica, que pra mim funciona como uma espécie de veneno destilado. De certa forma, viver, também é seguir essa premissa. O veneno que me refiro é aquele acompanhado de uma grande quantidade de conhecimento, que servirá para discernirmos opiniões. Enfim, se você quer se redescobrir e compartilhar instantes, detalhes e informações; venha fazer parte do meu mundo!
  • Categorias

  • Twitter Valéria

    • WWF- Brasil shar.es/15OaIJ 1 year ago
    • Mamãe coruja...to babando!! 6 years ago
    • Gente Boa; só passei pra contar que o bebê é MENINO!! hEHEHE!! Agora, faltam 3 meses e meio...hahaha 6 years ago
    • Estaremos no Politicom com o tema "Marketing político e redes sociais"...hehehe!! 6 years ago
    • "O carvalho não cresce à sombra do cipreste, e o cipreste não consegue crescer à sombra do carvalho"... 6 years ago
  • Face Valéria Amoris

SÃO BERNARDO É UMA VERGONHA

Ontem (28/6), senti vergonha de residir nessa cidade e pagar tantos impostos pra ver a “qualidade” dos guardas municipais e a postura do prefeito; melhor nem comentar diretamente….mas meu consolo: NÃO VOTEI NO MARINHO (PT). Minha tristeza: não muda o fato de que ELE É O PREFEITO.

Entretanto, impossível não destilar meu veneno, principalmente, quando nossos dignissimos candidatos já fazem campanhas mesmo antes da data devida por lei.

Bem ou mal, cada um tire suas conclusões…mas graças a Deus sou ANDREENSE da gema e nos livramos do PT que por BURRICE da maioria da população deixou eles administrarem o municipio por 12 anos…isso aí…muito, mas muito burros. Fazer o que??!

…nessa época, também, paguei pelos erros dos abestalhados que eram a maioria. Agora, pra meu azar; estou morando nessa outra cidade a 3 anos e meio; onde se arrecada muito com impostos e não se faz nada.

Mas como cidadã tenho o direito de desabafar: “Bernardenses PARABÉNS!! Vocês estão extremamente seguros e protegidos com a Guarda Municipal”.

Ah! quase me esqueci; porém não posso deixar de registar um recadinho: “Deputado Alex Manente, você, ainda, discursa sobre segurança pública?! PIOR, está indo com esse discursinho pra Santo André?! Vergonhoso; já que apoia tanto essa “guarda municipal de S. Bernardo” que agrediu não só um reporter; eles agrediram um cidadão, também. Ou você acha que por ser bacharel em jornalismo, ele deixa de ser cidadão?! Ah! entre um de seus discursos, os quais vi muitos, vc dizia que precisavamos de mais guardas na rua pra garantir a segurança da população. Visto que você buscava trazer verba pro municipio pra isso. E disse que conseguiu. Se ela veio pra cá ou não, isso é outra história; como também se de fato conseguiu o dinheiro, né?! Mas gostaria que soubesse; assim como já escrevi no seu site pra vc ter conhecimento do meu desabafo é que hoje me sinto muito mais segura em ver a qualificação desses profissionais”.

Pessoal, antes de me acharem uma doida que sai deixando recados pra políticos por aí, vejam pra quem não assistiu o que o CQC registrou aqui nessa belissima cidade petista:

Não temos que fechar os olhos pra tudo e fingir imparcialidade jornalistica o tempo todo; isso falo, também, por mim. Muito menos aceitar situações como essa. Ah! claro que a equipe do CQC poderia ter acionando a Policia Militar, talvez se tivessem feito, as coisas não teriam chego onde chegaram….eu disse talvez.

Porém, convenhamos seria muita, mas muita burrice da parte deles se tivessem feito isto. Afinal, cobrindo uma matéria dessa, em que a BURRA DA GUARDA MUNICIPAL se preocupou em agredir o repórter e esqueceu que a camara estava ligada…

…..a produção do CQC iria ser IDIOTA se chamasse a polícia civil, você não acha?! Sejamos honestos, se a produção do CQC fizesse isso, seria tão tonta quanto a guarda municipal de SBC e o prefeito que abriu a boca pra falar aquelas asneiras pro Gentilli, “qualquer coisa vc se entende com o chefe da guarda, ele tá aí”; foi +/- isso que o dignissimo prefeito, Marinho (PT), falou quando o Gentilli quis lhe mostrar as marcas da agressão.

Nossa; bela atitude do Marinho, né?! Fiquei até arrepiada de tanta emoção e orgulho em saber que ele administra….op’s representa a cidade onde moro. Isso sim, é atitude de prefeito. O resto é balela!!

Gente boa; segue a 2ª parte da matéria. Só lembrando que o nome do quadro é Prosteste Já!

Para aqueles que não gostam do humor, digamos um tanto ácido do CQC, eu respeito sua opinião…assim como a de todos. Mas uma coisa é fato, eles conseguem por meio do humor atrair a atenção de todos. Como escreveu pra revista FAMESCOS, o Prof. Dr. Marcio Acselrad, da Universidade de Fortaleza (CE) “O programa CQC busca discutir os mais diferentes assuntos do país pela visão do humor. Não se trata de novidade, mas o programa conseguiu gerar uma discussão em torno de censura, do que seja o humor, do jornalismo e da situação política do país sem deixar de ser um programa de entretenimento. Conseguiu um feito e uma comoção nacional que poucos programas que já estão na grade da televisão brasileira há muito mais tempo não conseguiram. […] O humor dentro do jornalismo pode ainda atrair a atenção de um público que, normalmente, não se interessa em assistir a jornais tradicionais nem em discutir assuntos como a política. É válido atrair o público jovem a discutir estes assuntos, mas a forma como o tema é abordado pode, em vez de criar neles uma consciência política, gerar um sentimento ainda maior de que não exista mais jeito, e que portanto devemos nos dedicar apenas ao riso puro. Tendo consciência de que o humor não é inocente. […] a comunicação com humor é um paradoxo. A potência do paradoxo não é seguir a outra direção, mas mostrar que o sentido toma sempre as duas direções ao mesmo tempo, que não é interessante separar duas tendências, uma apropriada ao pensamento dito sério e outra destinada ao lúdico, recreativo e humorístico. Todo sentido é, por, um duplo sentido. Toda verdade deve, portanto, ser dotada de boa dose de humor.

Leia o artigo na íntegra “O humor corrosivo dos meios e a política: o CQC vai ao Congresso Nacional”.

Enfim, Gente Boa, logo os jogos da Copa acabam e seremos bombardeados com as campanhas políticas então….REFLEXÃO meu povo; nada de jogar voto no lixo.

QUE GOSTOSO!!

Beijar é uma das melhores coisas da vida…..

…e bem sugestivo pra esses dias frios!! Na

verdade é ótimo em todos os dias; faça chuva

ou faça sol, vamos beijar muito…rs!!

SONHE

“SONHE COM AQUILO QUE VOCÊ QUISER.

SEJA O QUE VOCÊ QUER SER,

PORQUE VOCÊ POSSUI APENAS UMA VIDA

E NELA SÓ SE TEM UMA CHANCE.

TENHA FELICIDADE BASTANTE PARA

FAZÊ-LA DOCE.

DIFICULDADES PARA FAZÊ-LA FORTE.

TRISTEZA PARA FAZÊ-LA HUMANA.

E ESPERANÇA SUFICIENTE PARA FAZÊ-LA

FELIZ.

AS PESSOAS MAIS FELIZES

NÃO TÊM AS MELHORES COISAS.

ELAS SABEM FAZER O MELHOR

DAS OPORTUNIDADES QUE APARECEM EM

SEUS CAMINHOS…”

By Clarice Lispector.

NOVO CICLO

HOJE…

HEHEHEHE!!

Acredite em seus sonhos; mesmo que possam parecer loucos; surreal; ou, só + um sonho muito distante que almejou. O importante é acreditar sempre em seu potencial; em suas metas – independente se outros acreditam…mas VOCÊ tem que acreditar; na hora certa uma porta se abrirá.

Jamais perca a fé!!

FELIZ DIA DOS NAMORADOS!!

“Não deixe de acreditar no amor, mas certifique-se de estar entregando seu coração para alguém que dê valor aos mesmos sentimentos que você dá, manifeste suas idéias e planos, para saber se vocês combinam, e certifique-se de que quando estão juntos aquele abraço vale mais que qualquer palavra”,
Luís Fernando Veríssimo.

O ENTE CONSCIENTE; A CONSCIÊNCIA

By Fernanda Mello

Não sou boa com números. Com frases-feitas. E com morais de história. Gosto do que me tira o fôlego. Venero o improvável. Almejo o quase impossível. Meu coração é livre, mesmo amando tanto. Tenho um ritmo que me complica. Uma vontade que não passa. Uma palavra que nunca dorme. Quer um bom desafio? Experimente gostar de mim. Não sou fácil. Não coleciono inimigos. Quase nunca estou pra ninguém. Mudo de humor conforme a lua. Me irrito fácil. Me desinteresso à toa. Tenho o desassossego dentro da bolsa. E um par de asas que nunca deixo. Às vezes, quando é tarde da noite, eu viajo. E – sem saber – busco respostas que não encontro aqui. Ontem, eu perdi um sonho. E acordei chorando, logo eu que adoro sorrir… Mas não tem nada, não. Bonito mesmo é essa coisa da vida: um dia, quando menos se espera, a gente se supera. E chega mais perto de ser quem – na verdade – a gente é.